AGENDA / Terça, 04 Janeiro 2022 13:01

Veja cinco programas de capacitação com inscrições abertas para profissionais negros e negras

Programas têm o objetivo de potencializar e fomentar a prosperidade de pequenos negócios de pessoas negras, e também capacitar profissionais para que se recoloquem no mercado e ocupem posições de liderança

Texto: Redação | Imagem: Nappy.co

Imagem mostra as mãos de uma pessoa negra digitando no teclado de um Notebook. Ao lado tem um óculos de grau.
Introdução:

Programas têm o objetivo de potencializar e fomentar a prosperidade de pequenos negócios de pessoas negras, e também capacitar profissionais para que se recoloquem no mercado e ocupem posições de liderança

Autor:

Texto: Redação | Imagem: Nappy.co

Mais de 80% das pessoas negras no Brasil têm interesse em empreender, mas o maior impeditivo é a falta de dinheiro para investir no próprio negócio, conforme indicam dados da Pesquisa "Potência Preta", elaborada pela Feira Preta e pelo Instituto Locomotiva Brasil.

No mercado de trabalho formal, pretos e pardos representam apenas 4,7% das pessoas em cargos de alta gestão das 500 maiores empresas do Brasil, de acordo com estudo divulgado pelo Instituto Ethos em 2016. Outro levantamento recente revelou que durante a pandemia entre os desempregados, o maior número é de mulheres negras.

Com o objetivo de potencializar e fomentar a prosperidade de pequenos negócios de pessoas negras, e também capacitar profissionais para que se recoloquem no mercado e ocupem posições de liderança, algumas das maiores empresas do país estão com programas abertos e ações para aquecer o mercado de trabalho e o empreendedorismo com foco na diversidade racial.

Confira abaixo cinco iniciativas que oferecem apoio para profissionais negros e negras:

1. Aceleração de Negócios de Empreendedoras Negras

PretaHub e Facebook estão com inscrições abertas até 19 de janeiro para a Aceleração de Negócios de Empreendedoras Negras que lideram negócios em regiões periféricas ou comunidades de baixa renda no Nordeste, Norte, Centro-Oeste, Sul e Sudeste do Brasil. Serão investidos um total de R$ 1,6 milhão em 50 empreendedoras selecionadas, sendo que cada uma receberá R$ 32 mil. A aceleração busca endereçar as necessidades reais das empreendedoras negras brasileiras e, além dos recursos financeiros, oferecerá capacitação, consultorias, mentoria, serviços e produtos customizados de acordo com a demanda de cada negócio.

Confira o edital e se inscreva aqui.

2. Programa Pretas Potências

Os Institutos Feira Preta e Alok, em parceria com a cerveja Black Princess, lançaram o Programa Pretas Potências, edital que visa fortalecer negócios digitais em uma iniciativa de fomento a projetos liderados por mulheres negras e afro-indígenas na área da economia criativa digital. Com inscrições abertas até 20 de janeiro, o projeto oferecerá aporte de R$ 20 mil a 20 afroempreendedoras da economia criativa digital, além de mentoria e aceleração digital. As selecionadas farão parte de uma comunidade de aprendizado com ciclo de mentorias, aceleração digital do negócio e uma rede de parcerias com mulheres negras empreendedoras.

Confira o edital e se inscreva aqui.

3. Vem Transformar

Com o propósito de capacitar e incluir mais profissionais negros no mercado financeiro, a XP lança o programa "Vem Transformar", que está com inscrições abertas até dia 7 de janeiro. Serão oferecidas, inicialmente, 600 vagas para cursos de educação financeira e preparatórios para tirar a certificação da Ancord (Associação Nacional de Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários, Câmbio e Mercadorias), condição necessária para ser um agente autônomo de investimento (AAI). Os custos dessas especializações correspondem a um valor de cerca de 6 mil reais. 

Para se inscrever, clique aqui.

4. Transforma Tec

O Grupo Carrefour Brasil em parceria com a startup do ramo educacional DIO me (Digital Innovation One) lança o programa Transforma Tec. Serão disponibilizadas 300 vagas para bolsas de estudo com foco em Desenvolvimento Fullstack Java, React e Cloud para pessoas negras de todo o país, com idade entre 18 e 30 anos.

A seleção dos profissionais será feita em parceria com a Dio me e de forma online. O início do Programa está previsto para março de 2022 e os interessados poderão se inscrever até dia 30 de janeiro.

Para se inscrever, clique aqui.

5. Programa Talentos da Nova Economia - Pessoas Negras

O iFood, em parceria com a edtech de negócios Be Academy, está com inscrições abertas até o dia 22 de Janeiro para o programa Talentos da Nova Economia - Pessoas Negras. A iniciativa é oferecer 250 bolsas de estudos para profissionais pretos e pardos de todas as regiões do Brasil. O programa será custeado 100% pelo IFood e o objetivo é qualificar esses profissionais para desenvolver habilidades e técnicas para a Nova Economia, além disso, ao final do curso os alunos participantes contarão com conversa individual com o Time de Recursos Humanos do IFood e terão acesso exclusivo aos programas executivos da Be Academy por 1 ano.

Para se inscrever, clique aqui.

 Apoie jornalismo preto e livre!

 O funcionamento da nossa redação e a produção de conteúdos dependem do apoio de pessoas que acreditam no nosso trabalho. Boa parte da nossa renda é da arrecadação mensal de   financiamento coletivo e de outras ações com apoiadores. 

 Todo o dinheiro que entra é importante e nos ajuda a manter o pagamento da equipe e dos colaboradores em dia, a financiar os deslocamentos para as coberturas, a adquirir novos   equipamentos e a sonhar com projetos maiores para um trabalho cada vez melhor. 

 O resultado final é um jornalismo preto, livre e de qualidade.

 Acesse aqui e apoie a Alma Preta Jornalismo

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece. Se inscreva e receba nossas notícias toda semana.

VÍDEOS

devassashow.jpg
manifestantesmarchamnacn.jpg
oqueeconsciencianegra.jpg
feminismonegro.jpg