Desenhos tiveram da curadoria do Alma Preta e da Feira Preta e foram realizados pelo artista plástico Vinicius de Araújo. Entre os homenageados estão nomes como Abdias Nascimento, Erica Malunguinho, Milton Santos, e Dona Ivone Lara

Texto / Pedro Borges
Imagem / Divulgação

Os 130 anos da abolição da escravatura são o tema da exposição organizada pelo Alma Preta e pela Feira Preta e apresentada ao público no dia 13 de Maio, domingo, no Festival Pretas Potências, que ocorre das 14h às 20h, no Centro Cultural São Paulo, Rua Vergueiro, número 1000.

O projeto plástico “Pretas Potências”, de autoria do artista Vinicius de Araújo, retrata 13 manifestações inventivas e de resistência da comunidade negra no período pós abolição da escravatura.

Os 13 universos selecionados para a homenagem são Territórios, Empreendedorismo, Funk, Hip Hop, Literatura, Danças, Teatro, Religião, Capoeira, Gastronomia, Samba, Intelectualidade e Culturas Tradicionais.

“Apesar do desafio de selecionar somente 13 universos de resistência e criatividade da comunidade negra, foi um prazer homenagear figuras que constroem e resgatam nosso valor. São pretas e pretos que muito lutaram durante esses 130 anos pós abolição e que mostram pras próximas gerações a potência do nosso povo”, explica Vinicius de Araújo, artista plástico que assina a exposição.

Para cada universo, optou-se por um representante, e decidiu-se homenagear nomes de destaque na história de resistência da população negra, como Abdias Nascimento, Oswaldo de Camargo, Dona Ivone Lara, Sharylaine, Mãe Juju D’Oxum, Erica Malunguinho, Milton Santos, entre outras e outros.

“É fundamental ressaltar a potência criativa da população negra. Essa qualidade, diante do contexto social de exclusão a que a comunidade negra foi colocada, é o que permitiu a nossa sobrevivência”, explica Adriana Barbosa, idealizadora da Feira Preta e também curadora da exposição.

As obras poderão ser apreciadas durante toda a programação do Festival Pretas Potências. Para além da exposição, haverá venda de diversos produtos, como roupas, livros, alimentos, todos produzidos por empreendedores negros.

O fechamento do Festival terá show de Fabiana Cozza, com uma homenagem a Dona Ivone Lara, e apresentação de MC Soffia, que cantará todo seu repertório com foco no público infantil negro.

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
contato(@)almapreta.com

Mais Lidos