Filme estrelado por Seu Jorge não tem data prevista para o lançamento nos cinemas brasileiros por não cumprir todos os trâmites exigidos pela Ancine

Texto / Nataly Simões | Edição / Pedro Borges | Imagem / Ariela Bueno / Divulgação

Prevista para 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, a estreia do filme “Marighella” no Brasil foi cancelada. O longa, estrelado por Seu Jorge no papel principal e dirigido por Wagner Moura, enfrenta problemas na liberação de verbas da Agência Nacional do Cinema (Ancine).

Em comunicado, a produtora do filme, O2 Cinema, informou não ter conseguido cumprir todos os trâmites exigidos pela Ancine. Em agosto, a agência negou dois pedidos da produtora referentes ao reembolso de recursos no valor de R$ 1 milhão. O dinheiro havia sido investido na realização do filme.

Segundo a Diretoria Colegiada da Ancine, a verba teria sido aprovada como parte do orçamento original e não poderia ser ressarcida com recursos públicos. A agência também negou o adiantamento de recursos para a comercialização do longa.

“Marighella” conta a história do ex-deputado, poeta e guerrilheiro assassinado em 1969 pela Ditadura Militar. Sem data prevista para chegar aos cinemas brasileiros, o filme segue como atração em vários festivais de cinema do mundo.

Confira o trailer:

bannerhorizontal

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos