Aulas vão de 16 de novembro a 14 de dezembro, sempre aos sábados, das 9h às 12h; inscrições devem ser feitas pela internet

Texto / Nataly Simões | Edição / Pedro Borges | Imagem / Acervo Pessoal / Nelson Gentil

A segunda edição do curso “Escurecendo” acontece nos dias 16, 23 e 30 de novembro e 7 e 14 de dezembro com o objetivo de construir novos paradigmas de conhecimento e refl etir as faces do racismo. As aulas serão aos sábados, das 9h às 12h, na Rua Dom Gerardo, 62, sala 1.503, Praça Mauá, no centro do Rio de Janeiro.

De acordo com o psicólogo, escritor e ativista Nelson Gentil, idealizador do projeto, o curso é uma produção independente que surgiu a partir de suas inquietações diante do atual cenário social e a urgência de compartilhar conteúdos e experiências com a comunidade negra.

A dinâmica do curso, assim como na primeira edição, parte de uma apresentação dos participantes, seguida de uma colocação inicial do professor convidado e de uma roda de conversa. Nelson Gentil conta que os cinco encontros serão pautados em questões pertinentes ao empoderamento negro.

“Vejo neste formato um grande potencial de descolonização do pensamento que a todo momento é atacado por conteúdos brancos. Essa representatividade negra é muito importante para o empoderamento do nosso povo. Seguimos cada vez mais na luta antirracista”, explica.

Programação

A aula inaugural será neste sábado, 16 de novembro, com o tema “Genocídio, epistemicídio e racismo religioso no Brasil”. Ministrada pela historiadora Carolina Rocha, o encontro visa discutir como as produções intelectuais africanas são perseguidas, em especial no campo religioso.

Na aula da semana seguinte, dia 23 de novembro, o tema será “Nós por nós”. Ministrada pelo psicólogo, escritor e ativista Nelson Gentil, a ideia é, a partir de uma roda de conversa, refletir sobre o cotidiano da população negra.

Já em 30 de novembro, o professor Leonardo Peçanha ministra uma aula sobre “O racismo pelo olhar da transmasculinidade Negra”. Em 7 de dezembro, a psicóloga Fernanda Nascimento discute “A clínica voltada para o povo negro - ancestralidade em foco”. O intuito é descolonizar a psique da comunidade negra na busca por uma relação mais saudável com o cotidiano marcado pelo enfrentamento ao racismo.

As aulas de encerramento do curso, no dia 14 de dezembro, serão ministradas pela psicóloga Aline Maia e pelo professor Rogério das Dores. Os temas serão, respectivamente, “Racismo e suas implicações no desenvolvimento infantil” e “Identidade negra e relações de poder”.

As inscrições devem ser feitas pela internet, através da plataforma Sympla. Basta clicar e escolher o curso que deseja participar. O investimento para cada aula é de R$ 40 e ao fim da formação os participantes recebem certificado. Mais informações podem ser obtidas por meio do WhatsApp (21 99025-8952).

Serviço:

Segunda edição do curso “Escurecendo”

Data: 16, 23 e 30 de novembro e 7 e 14 de dezembro

Horário: 9h às 12h

Local: Rua Dom Gerardo, 63, Edifício Centro Rio, 15° Andar, Praça Mauá, Rio de Janeiro - RJ.

bannerhorizontal

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos

Cron Job Iniciado