No jogo desta terça-feira (18), o Brasil venceu a adversária, Itália e avançou às oitavas de final

 Texto / Nataly Simões I Imagem / Reprodução I Edição / Lucas Veloso

Marta se tornou a maior artilheira, entre homens e mulheres, da história das Copas do Mundo. No jogo contra a Itália nesta terça-feira (18), a camisa 10 foi para a cobrança sem dar nenhuma chance para a goleira adversária e com o peito do pé esquerdo marcou o seu 17º gol em copas.

A craque, que já havia se tornado a primeira jogadora a marcar gols em cinco edições diferentes da Copa do Mundo, tirou o posto do alemão Miroslav Klose, que possui 16 gols em quatro edições do campeonato. Marta não jogou na estreia do Brasil desta edição da copa devido à recuperação de uma lesão e entrou em campo na segunda partida contra a Austrália, onde marcou um ponto.

Com a vitória por 1 x 0 no segundo tempo de um jogo decisivo, graças ao gol histórico da titular, o Brasil se classificou no terceiro lugar do Grupo C. Agora, a seleção brasileira deve aguardar as definições dos outros grupos para saber se enfrenta a Alemanha ou a França. Caso a próxima adversária seja a seleção alemã, o jogo ocorrerá no próximo sábado (22), em Grenoble, no mesmo estádio da estreia contra a Jamaica. Contudo, se pegar o time francês, a partida será no domingo (23), em Le Havre.

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos