Segundo a entidade, o pacote de medidas encaminhado para votação no Congresso Nacional não aborda pontos fundamentais para o combate ao crime

Texto / Simone Freire
Imagem / Reprodução

A Associação Nacional da Advocacia Negra publicou uma nota em que repudia o pacote de alterações na legislação apresentado pelo Ministro da Justiça Sérgio Moro, que propõe a alteração de 14 itens do Código Penal, do Código de Processo Penal, da Lei de Execução Penal, da Lei de Crimes Hediondos e também do Código Eleitoral.

Segundo a entidade, o pacote de medidas encaminhado para votação no Congresso Nacional não aborda pontos fundamentais para o combate ao crime como, por exemplo, investimentos em inteligência e no processo investigativo, além da prevenção do envolvimento de jovens com o tráfico de drogas e com o crime organizado

“Considerando que a população carcerária brasileira é composta por 61,7% de negros, pessoas que em sua maioria só conhecem a face repressora do Estado, são eles quem mais sofrerão com os impactos dessas anunciadas medidas”, diz trecho da nota.

Confira a íntegra do documento aqui.

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos